Estudos comprovam: Viajar faz bem à saúde das suas crianças e a convivência em Família.

Se você tem filhos, as viagens de férias são o momento ideal para aproveitar com eles. Sair da rotina, passar algum tempo ao ar livre, conhecer um lugar novo, entrar em contato com uma cultura diferente, experimentar a gastronomia local, ter histórias para contar… Viajar oferece muitas vantagens, além de ser um modo de criar lembranças, proporciona descanso, lazer e mais proximidade com a família. Mas não é só isso, você sabia que curtir as férias viajando também promove diversos benefícios para a sua saúde e a dos seus filhos, já comprovados por diversas pesquisas e estudos?

Uma pesquisa recente publicada no Journal of Commercial Research mostra que as viagens em família têm um impacto profundo e duradouro na felicidade e bem-estar das crianças. Segundo o estudo, visitar novos locais ou fazer novas atividades contribui para o desenvolvimento de partes do cérebro que estão associadas ao modo como lidamos com o estresse e o aprimoramento da habilidade de aprender.

Foi comprovado que brincar favorece o desenvolvimento emocional das crianças e que a falta de tempo livre e um estilo de vida apressado podem contribuir para o surgimento de ansiedade e depressão no futuro. Passar algum tempo ao ar livre, exposto aos raios solares, aumentam as taxas de vitamina D, o que ajuda a prevenir doenças respiratórias, ósseas, cardíacas, diabetes e outras infecções. O contato com a natureza torna os jovens mais agradáveis e melhora a sua capacidade de interação social, favorecendo relacionamentos mais estreitos.

Mais do que diversão, fazer as malas e explorar novos locais na companhia dos filhos duram muito mais do que qualquer brinquedo e são fundamentais para o desenvolvimento emocional e cerebral dos pequenos. A pesquisa mostra ainda que as crianças que viajam nas férias voltam à escola e obtêm notas melhores em leitura, matemática e conhecimentos gerais do que os amigos que não foram viajar.

A partir dos quatro anos, as crianças tornam-se um pouco mais independentes, aumentando o número de atividades que podem realizar durante as viagens. Além disso, elas passam a ter mais disposição para enfrentar voos mais longos e com conexões, o que amplia muito o leque de opções de destinos. Tente minimizar o tempo gasto em filas no aeroporto. Uma das coisas mais fáceis é fazer o check-in online – depois só é preciso despachar a mala e passar pela segurança.

Os resorts, tanto nacionais quanto internacionais, são sempre uma boa escolha pela diversidade de atividades que possuem, principalmente na parte de recreação, uma vez que crianças nessa idade já podem frequentar os mini-clubes sem o acompanhamento de um adulto responsável. Em alguns destinos de praia, inclusive, além das atividades dentro dos resorts, há uma vasta gama de opções de passeios que já podem ser aproveitados pela garotada.

Ao se tratar de destinos urbanos e culturais, para que as crianças nessa faixa etária aproveitem melhor a viagem, uma excelente fórmula é encaixar no roteiro atividades e atrativos de seu interesse, como zoológicos, museus interativos, piqueniques ao ar livre e até visitas a parques temáticos nas proximidades. Com a alternância entre atividades de adulto e de criança, todos aproveitam a viagem igualmente.

A ciência diz: sair da cidade e viajar com a família para ter contato com a natureza é uma das melhores decisões que podemos tomar. Quando será a sua próxima viagem com a família?

Se interessou? Entre em contato conosco!

NeoTurismo © 2018 • Desenvolvido por Logo Incandescente